22 a 23 MARÇO de 2018

BIBLIOTECA de MARVILA

O Habitabis irá abordar as temáticas do realojamento e habitação social, promovendo um debate e uma sessão de trabalho entre instituições, técnicos e comunidades na procura de processos mais inclusivos.

© Michele Spatari

PROGRAMAÇÃO

22

MARÇO

CONFERÊNCIAS

Auditório Biblioteca de Marvila

 

14:00 – 14:30

Sessão de Abertura

Rúben Teodoro | Colectivo Warehouse

 

14:30 – 16:00

Contextos Internacionais

Familjebostäder - Gotemburgo

Josephina Wilson e Bjorn Osbeck

Le Mesnil de Stains - Paris

Merril Sinéus

ONGs as urbanizers barrio San Jorge - Posadas

Valeria Diminutto e Enrico Dalla Pietà

Arquitectura colectiva e participação comunitária:

Nô t ne kemim

Nuno Flores

 

16:00 – 16:15

Coffee break

 

16:15 – 17:30

Contextos Nacionais

O Processo SAAL

Nuno Grande

Transcrever: Ações Participativas

nos Bairros Sociais, Braga

Daniel Duarte Pereira, Space Transcribers

As Costas da Cidade

Nuno Furtado e Mário Maia

 

17:30 – 18:00

Debate

MODERADOR

 

Rúben Teodoro | Colectivo Warehouse

 

23

MARÇO

SESSÃO DE TRABALHO

Sala José Gomes Ferreira

 

9:45 – 10:00

Recepção participantes

Introdução da Sessão de Trabalho

 

10:00 – 11:45

Mesas de trabalho
Diagnóstico e Factores Críticos

Princípios fundamentais para a inclusão social

 

11:45 – 12:00 Coffee break

 

12:00 – 13:00

Apresentação

Princípios fundamentais para a inclusão social.

 

13:00 – 14:00

Almoço

Participantes e convidados

a cargo da Cozinha Popular da Mouraria

 

14:30 – 17:00

Sessão de Trabalho

Principios-chave para processos de realojamento e habitação social integrados.

 

16:30 – 17:00 Coffee break (em paralelo)

 

17:00 – 18:00

Apresentação Final

Gonçalo Folgado - Locals Approach

 

DINAMIZADOR

 

Alvaro Cidrais - RUMO Crl

Ana Adega - RUMO Crl

 

FACILITADORES

 

Tiago Mota Saraiva - Working with the 99%

Rita Silva - Habita

António Brito Guterres - DINÂMIA’CET-IUL

Ana Catarino - Antropóloga

 

 

 

CONVIDADOS E PARTICIPANTES

Sessão de Trabalho dia 23 de Março

Paula Marques - Vereadora C.M.Lisboa

António Brito Guterres - DIN MIA’CET-IUL

Marco Allegra - exPERts

Simone Tulumello - exPERts

Sophia Rodrigues - Moradora Bairro do "Brooklyn"

Anabela Pinto - JF Parque das Nações

Ricardina Cuthbert - Associação Torre Amiga

Roberto Falanga - exPERts

Nuno Furtado - As Costas da Cidade

Mário Maia - As Costas da Cidade

Consuelo Leite - GEBALIS

Rita Silva - Habita

João Alves - As Costas da Cidade *

Daniel Duarte Pereira - SpaceTranscribers

Fábio Évora - Pendão em Movimento

Sandra Alves - Associação Amigos do Bairro 2 de Maio

Lúcia Gomes - Advogada

Alexandra Gesta - Presidente IHRU

Bernardo Amaral - Arquitecto BAAU

Gonçalo Folgado - Arquitecto

Simon Deprez - Arquitecto ETC

 

* por confirmar

Tiago Mota Saraiva - Working with the 99%

Nuno Flores - Arquitecto

Ricardo Carneiro - Arquitecto

Daniel Miranda - Morador Terras Da Costa

Ana Catarino - Antropóloga

Joana Mouta - Associação Passa Sabi

Valeria Diminutto - Architetti  Senza Frontiere

Enrico Dalla Pietà - Architetti  Senza Frontiere

Josephina Wilson - Familjebostäder

Björn Osbeck - Familjebostäder

Merril Sinéus - Hobo Arquitectes Urbanistes

Isabel Raposo - GESTUAL/CIAUD FA-UL

Sílvia Jorge - GESTUAL/CIAUD FA-UL

Helena Roseta - Dep. Assembleia da República

Joana Martins - Arquitecta

Sílvia Leiria Viegas - Arquitecta, CCArq

José Baessa de Pina - Associação Cavaleiros de São Brás Pedro Coelho - Arquitecto

Rúben Teodoro - Colectivo Warehouse

Álvaro Cidrais - RUMO Crl

Ana Adega - RUMO Crl

 

Inscrições abertas para os dias 22 e 23 de Março

 

Um festival itinerante, organizado por uma comunidade sem condições básicas de vida, que promove a troca de experiências peer-to-peer, reunindo todas as partes envolvidas em processos de realojamento e habitação social.

PORQUÊ O HABITABIS

*Convidado/participante por confirmar

A combinação de metodologias presentes em projectos “bottom-up” com a necessidade de realojamento de comunidades, é uma oportunidade que pode gerar um forte desenvolvimento destes processos.

Contribui desta forma para a criação de novas estratégias que podem reduzir a complexidade e a desinformação frequentemente presentes nestas temáticas.  É também expectável que seja possível reduzir a distância entre os poderes locais e os grupos / comunidades que necessitam de condições básicas de habitação. Tal é fomentado entre moradores e  administração local ao abordarem e compartilharem problemáticas semelhantes com os seus pares europeus e mundiais.

DIREITO À HABITAÇÃO

JUSTIÇA SOCIAL

CAPACITAÇÃO CÍVICA

-------

-------

-------

Esta abordagem participativa que defendemos e pretendemos partilhar através da criação do festival é relevante no sentido em que são reveladas hoje as consequências geradas pelos processos de realojamento marginalizados, não inclusivos ou autoritários. Os bairros guetificados são uma consequência de um novo contexto criado, onde subsiste um acesso desigual ao conhecimento, a oportunidades e discussão social, que não pode ser justificado  pelas origens étnicas, da religião ou de nacionalidade.

 

Através desta partilha de experiências e conhecimentos no seio das comunidades afetadas, pretendemos gerar mais soluções “bottom-up” estruturadas por conhecimento de causa, que tragam uma aprendizagem mais abrangente, aberta e colectiva.

 

A grande diferença que o Festival Habitabis representa é a sua integração no coração das comunidades e das suas futuras gerações, uma vez que é promovido e partilhado entre pares. A empatia e as relações de proximidade são os principais facilitadores num contexto que é repetidamente desconsiderado pela sociedade.

 

COMO FUNCIONA

1# IDENTIFICAÇÃO

2# AVALIAÇÃO

3# CO-DESIGN

Comunidades europeias e os seus parceiros locais que possam ser anfitriões do festival.

A  equipa de coordenação do festival ajuda a avaliar recursos, necessidades e parceiros.

A equipa de coordenação, a comunidade local e outras partes interessadas organizam a edição do festival.

4# EVENTO

5# DESENVOLVIMENTO

6# EQUIPA LOCAL

Realização do HABITABIS Festival numa comunidade e contexto específico

A equipa local colectiva identifica as entidades que podem desenvolver (ou melhorar) o processo de realojamento participativo da comunidade anfitriã.

A equipa de projeto é formalizada, em colaboração com o governo local, para abordar futuras soluções para estas comunidades.

CONTEXTO

RECENTE REALIDADE EUROPEIA

 

Mais de 30 milhões de pessoas vivem na Europa em bairros de génese ilegal. Os moradores pertencem geralmente a minorias étnicas ou são vitimas de crises financeiras.

Este número agrava-se com os recentes 200.000 refugiados nem território Europeu. Num futuro próximo esta população terá de ter acesso a condições básicas de vida e habitação, como defende a declaração universal dos direitos humanos, e esta é uma realidade de uma população que já é, ou será europeia.

Os processos participativos de realojamento têm sido uma prova à escala mundial que resultam numa resposta mais inclusiva, contribuindo para um forte impacto social.

 

© Michele Spatari

COLABORA COM O HABITABIS

+Os Poderes locais Os poderes locais são geralmente responsáveis pelos processos de realojamento. Noutros casos são  mediadores entre populações e entidades ou programas do governo central, responsáveis pelo realojamento destas comunidades.

+Entidades que representam as comunidades locais. Podem ser associações/comissões de moradores locais ou entidades que representam um grupo específico com carências habitacionais urgentes.

+ONG’s e associações ou entidades internacionais que trabalham com estes grupos são peça fundamental para o desenvolvimento, divulgação e implementação do Festival Habitabis .

“ESTOU A TRABALHAR COM UMA COMUNIDADE”

Se identificares uma comunidade com a qual trabalhas como possível comunidade participante no festival, entra em contato connosco. Queremos partilhar e aprender com a tua experiência. Poderás igualmente utilizar esta ferramenta para capacitar o teu projeto ou como apoio para o seu desenvolvimento.

“FAÇO PARTE DO PODER LOCAL”

O poder local é um parceiro importante para desenvolver novos modelos sustentáveis de habitação social / realojamento de comunidades. Gostaríamos de partilhar contigo esta ferramenta implementando-a em comunidades locais. Conectamos partes interessadas, técnicos e parceiros para melhorar soluções de habitação.

 

“A EMPRESA ONDE TRABALHO QUER AJUDAR O FESTIVAL”

O festival Habitabis é uma ferramenta “open-source”, mas precisamos de apoios para poder crescer. É importante gerar edições em vários municípios, para que possamos desenvolver soluções mais inclusivas com um alcance abrangente.

 

“SOU UM TÉCNICO DE PROJETOS DE HABITAÇÃO SOCIAL”

Convidamos-te a partilhar o teu trabalho e experiência. A partilha é uma peça chave do conceito do Habitabis, por isso precisamos constantemente de novas perspectivas e sugestões sobre o tema do ponto de vista técnico.

“SOU JORNALISTA”

Queremos partilhar este conceito. A comunicação é muito importante para o festival Habitabis. Precisamos alcançar o maior número de possíveis parceiros, para conseguir implementar o festival e ajudar na evolução e capacitação destas pessoas.

 

“REPRESENTO UMA COMUNIDADE”

Se a tua comunidade precisa de melhorar as suas condições de vida básicas, contacta-nos. Se a tua comunidade faz ou fez parte de um processo de realojamento e queres partilhar a tua experiência, entra em contacto connosco. A tua experiência é muito importante para o crescimento dos outros.

PROMOTOR

Colectivo Warehouse é um colectivo de arquitectura e arte, fundado em 2013. Desenvolve arquitectura participativa em projectos culturais e sociais. O desenho e construção participativos provocam resultados com impacto social na paisagem urbana.

COLECTIVO WAREHOUSE

FINANCIADOR

An independent & impact driven incubator that accelerates, catalyses, connects and communicates civil society initiatives in arts and culture - rethinking and building Europe as an open, inclusive and democratic space.

EUROPEAN CULTURAL FOUNDATION

Financiador através da bolsa R&D Grant 2017

APOIOS

PARCEIROS

A-MOVT ASSOCIAÇÃO

 

INSCRIÇÕES

Submitting Form...

There was an error with your submission. Please try again.

Obrigado pelo envio da tua mensagem. Um dos nossos colaboradores  entrará em contacto contigo.

www.habitabis.org

promovido por Colectivo Warehouse

financiado por ECF R&D Grant 2017